um pouco do historial da CVP

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

um pouco do historial da CVP

Mensagem  Marta Pais em Dom 08 Mar 2009, 09:36

HISTORIAL

Fundada em 11 de Fevereiro de 1865 pelo Dr. José António Marques, a Cruz Vermelha Portuguesa tem cumprido as mais diversas missões humanitárias nos planos nacional e internacional. Em colaboração com organismos internacionais tem prestado socorros e assistência às populações de países assolados pela fome, guerra e outras situações de miséria.
Independentemente da existência de guerra, ou não, e alheia a orientações políticas, acorre em prol da população, tanto em situações de rotina, como de emergência (desastres, epidemias, alterações da ordem pública e calamidades naturais de todo o tipo). Interveio em todos os movimentos revolucionários que ensanguentaram o país e participou, entre outras, no auxílio às vítimas da Guerra Civil de Espanha (1936), da II Guerra Mundial (1939/45), da Invasão da Índia Portuguesa pela União Indiana (1961/62) e mais recentemente da Roménia (1989/90), da População Curda e Kosovar (1991 e 1999) e do conflito Angolano.
No quadro dos grandes sinistros e calamidades, sobressai a sua acção por ocasião dos sismos do Faial (1926), da Grécia (1953), de Agadir (1960) e de S. Jorge- Açores (1964 e 1990), das revoltas em Lisboa (1927) e na Madeira (1931), do ciclone no Continente (1941), dos desastres ferroviários de Vila Franca de Xira (1947) e de Alcafache (1985), das inundações no Distrito de Lisboa (1967 e 1983), do incêndio do Chiado (1988), dos temporais no Alentejo e Açores (1997) e do acidente em Castelo de Paiva (2001).
Implantada em todo o território nacional, exerce a sua missão através do pessoal, essencialmente voluntário, das suas Delegações e Núcleos, fundamentalmente vocacionado para intervir nas áreas da saúde e social.
Neste âmbito, desenvolvem-se programas de formação de primeiros socorros e de enfermagem, através da Direcção de Ensino de Socorrismo, da Escola Superior de Saúde e da Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa de Oliveira de Azeméis. Ainda neste campo, é de salientar o serviço de transporte de doentes efectuado em viaturas especializadas das Unidades de Socorro e os tratamentos médicos prestados nos seus Postos de Socorros, dispersos por todo o País e no seu próprio Hospital, o qual utiliza os mais modernos meios de diagnóstico.
No que se refere à área social são desenvolvidas acções de luta contra a pobreza e de desenvolvimento social dirigidas a público-alvo e a comunidades em situação de exclusão e/ou em risco de exclusão social. São, ainda, executados, pela generalidade das Delegações e Núcleos, serviços e apoio a áreas da população mais vulnerável, nomeadamente, a idosos e a deficientes.
O Lar Militar assegura apoio médico-sanitário e bem estar psíquico e moral a grandes deficientes militares e civis, bem como prepara a sua inserção no mercado de trabalho, de acordo com o seu grau de deficiência e aptidões.
Pela sua acção nos planos nacional e internacional, a Cruz Vermelha Portuguesa possui as mais altas condecorações: Grande Oficial da Ordem Militar de Torre e Espada, Valor, Lealdade e Mérito, Cruz de Guerra de 1ª Classe, bem como, entre outras, a Legião de Honra Francesa, concedida pelos serviços prestados na guerra franco-prussiana em 1870. Em 1943, pela sua acção a favor da humanidade, vítima do II Grande Guerra Mundial, é distinguida com a Benção Papal (Papa Pio XII).
avatar
Marta Pais

Número de Mensagens : 49
Idade : 29
Localização : Coimbra
Data de inscrição : 17/12/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum